Eu sou assim.

Minha foto
Nativo do "Camorão" a 57 anos, bem casado com Maria Odete a 34, três maravilhosos filhos, Matheus Vinicius, Marilia Julieta e Mathias Augusto, netos Maria Alice e Eduardo Augusto. Adoro ouvir rádio, sou movido a musica, leitura e informação e claro, movido pelo amor que tenho pela minha família.

Pensamentos e Ensinamentos.




"Se soubéssemos quantas e quantas vezes as nossas palavras são mal interpretadas, haveria muito mais silêncio neste mundo".


(Oscar Wilde - dramaturgo e poeta irlandes 1854 -1900)

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Saudades!


Com muita saudades!
É assim que estou me sentindo.
Nossa mãe Elza nos deixou!
Partiu com a certeza da missão cumprida.
Oitenta e cinco anos vividos com galhardia, coragem e determinação.
Ficaram os melhores exemplos, as inesquecíveis lembranças, o companheirismo, o sorriso farto e muito, muito mais.
Que saudade!
Vá em paz minha querida, te amarei sempre.
- bença mãe.
Agora você está "boinha, boinha"

sábado, 7 de maio de 2011

Mãe.

O amor de mãe é emocionante, insuperável e inabalável!Mãe cuida até que o filho saiba se cuidar, ou seja, enquanto ele existir.
Ninguém ama mais do que uma mãe.
Se em algum momento da sua vida você não tiver mais opções, caminhos ou soluções! !

Pergunte a tua mãe, ela saberá e terá todas as respostas.
Afinal, ela tem o dom de dar a luz, de iluminar os caminhos.
Sem ela não somos e nem seriamos ninguém.

Feliz dia das mães.

Especialmente as mães Elza, a minha. Odete que é a mãe dos meus filhos.
Dona Julieta minha sogra e as minhas irmãs, cunhadas, sobrinhas que são mães, (ou serão um dia).
Felicidades a todas, que Deus as ilumine.

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Jovens demais para morrer!

Vida começando. Vida ceifada!
Doze, treze, quatorze anos. Tempo de descobrir, de se descobrir.
De amar, de sonhar. Primeira etapa, passagem.
Hora de aprender a andar rumo aos sonhos e as conquistas.
Idade do sorriso fácil, do autoconhecimento, das novas e sinceras amizades.
Da coragem, do enfrentamento, pois tudo e fácil viver é inocentemente fácil.
Tempo de internet, fofocar, estudar, desenhar corações no cyber espaço.
Biquinhos nas fotos, nunca mais!
Apaixonar-se pelo que está na moda, criar e ditar costumes.

Viver, esse é o objetivo de quem está nessa idade.
Meninos e meninas, inocentes crianças.

Ai aparece um louco, imbecil que armado as expulsa para sempre desse mundo, sem nenhuma explicação que possa confortar.Levando para sempre a pureza, matando os sonhos sem dar-lhes a chance de ao menos contestar.
Nada vai amenizar a dor da imensa ferida aberta nos corações e mentes das famílias desses jovens.
Nada irá justificar esse ato bárbaro e satânico.
Ninguém poderá responder os muitos porquês dessa estupidez.
Nem mesmo traçando o perfil desse assassino, trará a luz da vida o porquê dessa estupidez.

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Transito de Campo Mourão.

Hoje (06/04/2011), em conversa com meu amigo Miltinho do Bar do mesmo nome, falávamos sobre o transito de Campo Mourão. Nosso transito é uma vergonha, desorganizado, sem lugar pra estacionar e pior sem fiscalização satisfatória. Há muito tenho tentado alertar para isso, mas quem sou eu? Apenas um morador nascido aqui e observador contumaz das coisas da nossa cidade. Embora não sendo ninguém tão importante assim (para alguns), eu penso que muitas coisas devem e precisam ser melhoradas em nossa cidade, a começar pela regulamentação e principalmente a fiscalização do transito nas ruas e avenidas. Hoje mesmo, enquanto tomava um cafezinho, observei um caminhão de uma grande empresa de transporte de veículos, simplesmente parou a dita “jamanta” na contra mão em fila dupla e com o pisca alerta ligado efetuou a descarga dos veículos, ignorando as leis de transito. Há muito eu venho observando esse processo de carga e descarga, alguns motoristas fazem o que querem e ninguém (menos eu) faz nada! A minha parte eu tento fazer, enviando E-mail com fotos às muitas empresas que vem descarregar mercadorias em nossa cidade. Confesso que com raras exceções muitas, assim como fazem com as leis de transito, ignoram! Resolvi fazer diferente em caso de não haver resposta, e não tomarem providencias, vou publicar em meu blog as fotos que tiro desses abusos, estampando a marca dessas empresas e até mandando para outros sites, jornais e TVs do estado.

Outra coisa com relação à ciclovia da Kennedy, aquilo lá virou uma pista de caminhada. Dia desses fui ao Parque Industrial de bicicleta e quase fui expulso da ciclovia por três dondocas que estava ali desfilando suas gordurinhas, alguns ciclistas ou bicicleteiros, desviavam das moçoilas, eu não! Meu amigo Miltinho disse que falta sinalização avisando que é uma ciclovia, mas há. Mas quem sabe mudando o nome para “bicicletovia” o povo aprende pra que serve.
Por isso eu sempre falo que Transito é questão de Educação e também, bom senso.

domingo, 20 de março de 2011

Bicicleta.

Sempre gostei (desde que aprendi) de andar de bicicleta. Quando garoto com seis, sete anos aprendi a dominar a bike e não a abandonei mais. Andei muito nas bicicletas dos amigos Gilson Minicowski, do Luizinho Ferreira Lima e do Vininho, pra citar alguns e nas bicicletas do futuro cunhado Moggar Tapyr, e de meu irmão Egydio. Um dia “garimpando” nos quartinhos de coisas velhas em casa, deparei-me com uma bicicleta de carga muito antiga que era usada para fazer entregas de bebidas na já extinta Fabrica de Refrigerantes do nosso Pai Eloy(in memorian). Não tive dúvidas, dei um jeito de consertar os pneus e andava carregando meus irmãos Gudé, Euro, Enio, Edni e Elzinha pelas calçadas empoeiradas da frente de casa, no máximo até a esquina da rua Mato Grosso, senão já viu né, nossa mãe já gritava de casa “JÁ PRA DENTRO!!”. Com quatorze ou 15 anos comprei minha primeira bike “zero quilometro”, era uma Caloi Special, aro 20 preta com adesivos dourados, era top de linha da Caloi. Comprei em meu nome na extinta Hermes Macedo, “Seo” Antoninho Cardoso (in memorian) que me vendeu em quinze prestações de cinquenta e três cruzeiros e cinqüenta e três centavos novos (acho que era essa a moeda...).
Escrevo sobre esse assunto porque há que me olhe de trevés só porque estou de bike, alguns ate me criticam ou até me discriminam dizendo que sou “pobre”, mas aquele, “pobre”, com certo asco da situação ou de mim, sei lá. São as convenções, os padrões que sugerem que sigamos. Do qual meu amigo blogueiro Juma Durski escreveu outro dia com muita propriedade sob o titulo ”Juma Durski.... O Despadronizado.” Pra você que pensa assim, não tenho carro e daí!!! A bike me leva a lugares que o carro me levaria gastando combustível (que é caro!), com a vantagem de estacionamento, de não ter impostos, e de saúde pra mim.
A Bike que ando, está paga, não pertence a banco e nenhuma loja. A você que é atrelado a etiquetas e convenções, que enche a boca pra falar que seu carro é dois, três ou quatro ponto qualquer coisa, que tem turbo isso, injeção marca barbante, rodas de liga sei lá, aro de “ene” polegadas cambio hidratriptronic e o escambau...então La vai! A bicicleta que ando é uma Caloi 100 21V, (ÓHÓHÓH!!!!)!!!) quadro Dolphin em alumínio 6061 T6,( ÓHÓHÓ!!!!) garfo em Aço Carbono, câmbio dianteiro Grip System Caloi Micro Index, alavanca de câmbio Grip System Caloi com regulador de esforço e câmbio traseiro com 21 marchas M3S indexado, todos fabricados pela Sunrace USA.(ÓHÓHÓHÓHÓHÓH!!!!). Números e letras?!?!?! Ando de bike sim, e daí! Meus filhos estão formados e trabalhando baseados na educação que eu e minha esposa demos, em "SER" para depois "TER". Isso pra mim importa, o resto é resto!

quinta-feira, 10 de março de 2011

Cantinho Gostoso.


Peço licença aos meus amigos para anunciar uma deliciosa novidade.
Já esta funcionando ali ao lado da CD Hits o Cantinho Gostoso, da minha comadre Mary e sua irmã Claudia. Servindo café, sucos, refrigerantes e os mais saborosos e deliciosos salgados, produzidos com muita qualidade e sempre com os melhores ingredientes. Vá conhecer o Cantinho Gostoso, garanto que você vai gostar principalmente do atendimento de quem está trabalhando com carinho e dedicação. Eu que sou fã de um bom pastel, risoles de presunto e queijo, quibe frito.... hummm!!! Recomendo essa novidade.

terça-feira, 8 de março de 2011

Mulher - Elba Ramalho (Uma Homenagem à todas as mulheres)

Minha homenagem a Dona Elza Brisola Maciel nossa mãe, que lutou e continua lutando pela vida, pelas pessoas e principalmente por nós. Homenagem a ela e a todas as mulheres que fazem parte da Familia Brisola Maciel, Amaral, Barros, Pereira, Oliveira, Silva, Soares, Marques, Dias, Frozza, Knieling,Tanigut, Freitas... e especialmente ao meu pequeno-grande amor, Odete.

segunda-feira, 7 de março de 2011

Carnaval.Bacanal. Bacana né?

-Que tal o carnaval?
-O que é que tem? Nada mal!!
É bom, têm mulheres nuas, ninguém é de ninguém!
Sexo, sexo e mais sexo, e umas drogas para ter mais sexo!
Pode de tudo no carnaval. Até ser feliz, se quiser.
No começo há quem suspire por uma bela morena, rebolativa e gostosa.
E acaba encharcado de drogas e álcool apaixonado, nos braços de um belo loiro de olhos azuis, e vice e versa.

É assim o carnaval. Muitos armários (e pernas) se abrem pra folia (ou será orgia?).
É tanta esfoliação, que só mesmo muita droga pra suportar.

Carnaval. Nada mal.
Afinal é uma festa onde a maioria pode brincar sem mascaras!
Carnaval, nada contra, nem a favor, muito pelo contrário!

Mas, prefiro rock and roll, com sexo seguro e sem drogas!

E quem não gostar do barulho que vá.....
pra avenida pular carnaval!!!!

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Cidade Escola. Insígnia agora insignificante!

Pois é! O nosso prefeito quer revogar a lei (n.º 1.224, de 11/05/1999-Vereador Edson Batillani)que criou a insignia “Cidade Escola” de Campo Mourão. E ele está certo! Na medida em que, a lei foi criada a partir do que representava nossa cidade naquela época. E que hoje infelizmente, a insignia passou a ser insignificante. A olhos vistos a situação atual da Educação, é vergonhosa! Sabemos que é um problema cronico, que é estadual, e porque não dizer nacional, blá, blá, blá!!! Concordamos. Mas um prefeito não precisa abandonar nossas crianças e se dedicar a fazer o que ele sabe melhor, politicagem! E a situação não é só a Educação com escolas ruins, falta de professores, merendas etc. A Cultura com o Teatro Municipal abandonado para reformas que nunca acontecem.Tem a Saúde, que está um caos, com Postos de Saúde e Posto 24 horas padecem a merce de vândalos , sem infraestrutura adequada para dar um atendimento digno a nossa população! Os buracos nas ruas, (agora tem a desculpa da chuva incessante...). Realmente esse titulo não nos cabe mais, pois aqui só se aprende a “como não governar e enrolar o povo...”
Chega de falacia, precisamos de ações concretas pra nossa população!

sábado, 22 de janeiro de 2011

Malditos Virus!!!!/Anjos que nos guardam.

Fui presenteado essa semana com um maldito virus, quase perdi tudo! Pior foi que, esse maldito invadiu meus emails e reenviou um monte deles pra meus amigos. Portanto se vc recebeu algo tipo;" frases de banheiro 2", delete, nem abra, e antes de ficar bravo comigo saiba que não foi eu que enviei!!! Caso abriu um conselho: passe um bom antivirus, (sugiro Bankerfix, é ótimo)troque suas senhas de tudo, pois esse danado é ladrão de senhas. Valeu?

Bem vamos à continuação da historinha da semana anterior. Desculpem pelo atraso.

Anjos que nos guardam. (parte II)

...Me bateu um desespero!
- Como eu iria fazer?
- A telefônica iria fechar!
- As chaves do carro em poder da funcionária! Meu Deus o que fazer!!!!! Sem nenhuma folha de cheques!
O cartão inutilizado! Quinta feira a tarde, a 500 kilometros de casa, e precisando voltar!!!!
Eis que apareceu um anjo do Senhor...
Um jovem senhor, um engenheiro civil, que estava logo atraz de mim na fila. Ao perceber meu desespero, e mesmo sem nunca ter me visto, apenas me perguntou quanto eu iria sacar? falei-lhe o quanto, e ele, sem titubiar sacou da sua conta e me emprestou o valor... deu me um cartão de visitas com o número da conta pra que eu pudesse depositar.
Não me pediu nada em garantia, sequer perguntou meu nome, nem de onde eu era, o que fazia, nada, absolutamente nada não! Agradeci, - Vai lá resolve seu problema, ele disse. Segui correndo á telefonica, pagar as ligações e voltei para a agencia bancaria e não mais o vi, nunca mais! No dia seguinte em Porto Alegre na agencia do Bradesco da Av. Sertório fiz um saque via autorização do meu gerente de Carazinho - Rs(origem da conta), e depositei o dinheiro na conta desse anjo da guarda que me socorreu, na confiança. Na semana sequinte voltei a Pelotas-RS, com o cartão de visita e o recibo do deposito, fui ao endereço e não o encontrei, deixei o recibo e fiquei de voltar , mas não o fiz, deixando para o dia seguinte e ...o tempo passou e acabei nunca mais voltando lá. Acabou que fui transferido para Pato Branco-Pr e nunca mais voltei àquela cidade. Assim é a vida!
Amigos são anjos enviados por Deus para nos salvar às vezes, nos amparar sempre e ajudar se preciso. Estamos sempre sendo protegidos por Deus e pelos seus “enviados”. Eu acredito nisso!

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Anjos que nos guardam.

Ainda no quesito Amigos, as vezes precisamos de socorro e infelizmente não temos um amigo por perto. Mas ai existe uma solução ...conquistar um novo amigo e pedir-lhe ajuda, simples não?
Nos idos de 1985 estava eu em Pelotas-RS, precisamente na Cia Telefonica ligando para a empresa em que trabalhava solicitando um suporte financeiro pois o carro que viajava, apresentou uma pane e precisou ser consertado, o que me deixou durango.
Na Telefonica (as atendentes já me conheciam), pedi que me fizessem a ligação, mesmo sem dinheiro, pois assim que a empresa efetuasse o depósito eu pagaria a ligação.
A agência bancaria era ao lado da telefonica, então deixei meu carro lá estacionado e fui telefonar. E como garantia deixei as chaves do carro na telefonica. Ligação feita me fui ao banco sacar os “pilas”, o banco já estava fechado. Entrei, depois de muita conversa.
Já na fila, nervoso pela situação comecei a apertar o cartão do banco(fazendo um arco na palma da mão), havia uns dois clientes a minha frente, quando chegou minha vez de tanto apertar o cartão, ele se partiu em dois pedaços, ficando INUTILIZADO!!!! Não dando para ler a tarja magnética!!!

(quer saber como acabou isso?....continua na próxima postagem...)

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Viajando, trabalhando e fazendo amigos

Sempre gostei muito de viajar, da estrada, conhecer novas estradas, cidades, novos caminhos e principalmente fazendo novos amigos.
Como vendedor pude conhecer muitas cidades do Rio Grande do Sul, do Paraná, Santa Catarina, São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso e Goiás, alem de parte da Argentina e Uruguai. Nessas andanças a trabalho, conheci muitas pessoas, fiz muitos amigos, reencontrei outros tantos desencontrados na infancia e adolescencia aqui em Campo Mourão. Em Carazinho-Rs(onde morei) encontrei (em frente a um hotel)o grande e saudoso amigo Henrique Galbier (o Bode) indo para a praia do Cassino em Rio Grande (320km de Porto Alegre). Fiquei muito Feliz em rever esse companheiro de futebol e de Colégio.
Reencontrei, também depois de muitos anos o Sergio Gura (tenho noticias dele pelo Orkut) em Pato Branco-Pr. Eu trabalhava na Nortox Agroquimica e o Gura na Alpargatas, ambos como Supervisor de Vendas, jantou em minha casa, relembramos os tempos de guri, e que fui no aniversário de um ano da Rita de Cassia irmã dele. Puxa vida! Que bom relembrar essas coisas.
Ter e cultivar amigos é mais um de meus hábitos e que gosto de exercitar constantemente. Quero, por onde passar ter um amigo, pelo menos um conhecido. E já tenho muitos espalhados pelo mundo como o Serginho Tanigut no Japão, nos States o Betinho Nogaroli , o Zé Derly Parizotto em Castanhal no Pará, e muitos outros.

Hoje viajo como Guia/Vendedor conquistando clientes(e mais amigos é claro!)para compras nos Atacados em Cascavel, Maringá e Cianorte. Já fiz mais de uma dezena de novos amigos, e farei muitos mais ainda. Como canta o Roberto Carlos, “Eu quero ter um milhão de amigos...” to quase chegando lá! Hei você! quer ser meu amigo?

domingo, 9 de janeiro de 2011

Mudar pra ser feliz.

Mathias Augusto. Te amamos muito, sempre.
Feliz aniversário Filho! Deus te abençoe sempre!


Toda mudança requer vontade e decisão. Mudanças de hábitos, de cidade, de rumo.
Durante minha vida experimentei muitas mudanças que me fizeram crescer(como pessoa) e até engordar, por exemplo: quando casei pesava 57 kilinhos, corpo e peso de jóquei dizia meu pai, (nunca pensei em andar em cavalos...). Não comia cebola, alho nem pensar!!! Saladas muito pouco, nem de macarrão ou camarão, eu gostava, era só arroz feijão carne ou ovos fritos. Mas o tempo passa, as coisas mudam. O casamento muda nossos hábitos, aprendi a comer muitas coisas boas, e que me fizeram engordar e muito. Vício só tive um na minha vida o de (harrrgggg!!!) fumar. Mas graças a minha determinação e vergonha na cara, parei, e com isso, engordei mais um pouco.
Mas uma coisa eu não mudei e não abandonei, o habito de sonhar, acreditar e de lutar para tentar realizar as coisas. Muito pouco realizei, mas muito pretendo realizar. Mas a minha maior conquista, é minha familia, minha esposa e os tres filhos, que são meu maior e mais caro bem. Vejo por ai amigos meus, plenamente realizados financeiramente e profissionalmente, mas no plano familiar.....acabam por se entregar a vicios, a bebidas a remédios para depressão e tudo mais.
Mas enfim nem tudo poder ser perfeito, sempre existe um preço, uma compensação. Prefiro minha vida assim.
É, eu sou feliz!
ah.... mas se eu ganhasse na mega sena....!!!!!

domingo, 2 de janeiro de 2011

VENCERÁS! (Emmanuel)

Inspirado no filme que vi sobre Chico Xavier, publico aqui essa carta de Emmanuel, psicografada por ele. No meu entender, são lições que já aprendemos, mas que não praticamos.

Não desanimes.
Persistes mais um tanto.
Não cultive pessimismo.
Centralize-te no bem a fazer.

Esquece as sugestões do medo destrutivo.
Segue adiante, mesmo varando a sombra dos próprios erros.
Avança ainda que seja por entre lágrimas.
Trabalha constantemente.

Edifica sempre.
Não consinta que o gelo do desencanto
te entorpeça o coração.
Não te impressione ante a dificuldade.

Convença-te de que a vitoria espiritual
é construção para o dia a dia.
Não desista da paciência.
Não creias em realização sem esforço.

Silêncio para a injúria.
Ouvido para o mal.
Perdão às ofensas.

Recorda que os agressores são doentes.
Não permitas que os irmãos desequilibrados
destruam teu trabalho ou apaguem a esperança.
Não menosprezes o dever que a consciência te impõe.

Se te enganaste em algum trecho do caminho,
reajusta a própria visão e procura o rumo certo.
Não contes vantagens, nem fracassos,
estuda buscando aprender.
Não te voltes contra ninguém.

Não dramatizes provocações ou problemas.
Conserva o habito da oração, para se que te faça tua na vida intima.
Resguarda-te em Deus, persevera no trabalho que “ELE” te confiou.
Ama sempre, fazendo pelos outros o melhor que possas realizar.

Age auxiliando.
Serve sem apego.
E assim, VENCERÁS!