Eu sou assim.

Minha foto
Nativo do "Camorão" a 57 anos, bem casado com Maria Odete a 34, três maravilhosos filhos, Matheus Vinicius, Marilia Julieta e Mathias Augusto, netos Maria Alice e Eduardo Augusto. Adoro ouvir rádio, sou movido a musica, leitura e informação e claro, movido pelo amor que tenho pela minha família.

Pensamentos e Ensinamentos.




"Se soubéssemos quantas e quantas vezes as nossas palavras são mal interpretadas, haveria muito mais silêncio neste mundo".


(Oscar Wilde - dramaturgo e poeta irlandes 1854 -1900)

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Amor. Amar.Ser Feliz!

Tento
Penso
Me perco nos pensamentos
Encontro você
E por um segundo sou mais feliz
Nada, um segundo só nada
Uma vida feliz
Um segundo pra relembrar
O quanto meu amor é eterno
Eu te amo
Eu sempre te amei
Desde? sei lá desde quando
Desde sempre....


Tenta
Pensa
Me ache em teus pensamentos
Me encontre, antes que eu me perca por ai
Reencontre a felicidade
Por mais um segundo
E verás que é eterno
O amor que sentes
É de muito tempo
Desde o primeiro disparo do coração.

Nos meus sonhos de adolescente
Te encontrei olhando pra mim
Com estes mesmos olhos que hoje me olhas
Em nossos sonhos nos encontramos e fizemos juras de amor eterno
E assim tem sido
E assim será.

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Na praia, a trabalho mas na praia!

Olá amigos, depois de um período sem escrever nada, cá to eu de novo, digitando minhas impressões.
Hoje estou aqui em Vila Velha no Espírito Santo, se tem sol? Tem sim em meio a chuvarada que cai por aqui, o sol aparece bem pouco. Está um caos por aqui, ruas, rodovias, e cidades alagadas. Esperamos que melhore, pois se não... Não podemos voltar pra casa!
Estou aqui a trabalho viu! Não vim passear não, estou com uma galera de fotógrafos e cinegrafistas, que vieram fotografar e filmar umas formaturas etc e tal.
Comandadas pelo Fabrício Camargo da Camargo Eventos, essa é uma turma bacana, 12 pessoas no total, incluindo eu e o Jean (Teixeira Transportes). Ficaremos aqui até dia 10, e se der sol iremos à praia.
Semana de ano novo estive em Floripa visitando meus filhos Marilia/Wandinho e Mathias. Contra a vontade deles (incluindo minha esposa), não passei o Reveilon lá e sim em Matinhos onde fui levar musicos pra tocar para a Irmã Ignez, lembram dela? (Aquela do Iê Iê de Jesus...) Por lá encontrei o Marquinhos da borracharia, sua esposa e o filho, juntos com o cunhado Horácio Bagatolli (tentando manter aberto o guarda sol/ chuva, na chuva com vento...rsrsrsr) com a família.
Sobre Vitória e Vila Velha, falta sinalização na cidade do mais simples como nome de ruas, até as mais importantes, como saída da cidade, bairros etc. o Hotel em que estamos é de frente pro mar, mas deixa muito a desejar, não serve café da manhã, os quartos tem umidade por todos os lados, a internet é lenta e por ai vai. Os preços aqui estão pela hora da morte, não é a toa que é uma das capitais mais caras do Brasil. Semana que vem estarei de volta a “Camorão”, até mais.