Eu sou assim.

Minha foto
Nativo do "Camorão" a 57 anos, bem casado com Maria Odete a 34, três maravilhosos filhos, Matheus Vinicius, Marilia Julieta e Mathias Augusto, netos Maria Alice e Eduardo Augusto. Adoro ouvir rádio, sou movido a musica, leitura e informação e claro, movido pelo amor que tenho pela minha família.

Pensamentos e Ensinamentos.




"Se soubéssemos quantas e quantas vezes as nossas palavras são mal interpretadas, haveria muito mais silêncio neste mundo".


(Oscar Wilde - dramaturgo e poeta irlandes 1854 -1900)

quarta-feira, 28 de março de 2012

Saudade!

Saudades dos meus irmãos e amigos de Campo Mourão. Não é fácil deixar para trás o lugar onde nasci, a convivência diária com os irmãos, o chimarrão no fim de tarde na casa da mãe com a Polaca (Edni) a Nina(Edna) e Rosira sempre juntas.

Os jogos do Inter na casa do Enio ou no Gaucho Lanches, onde reuníamos a Nação Colorada entre eles o Dr. Rubens Sartori, Jarutais, Gaucho do Gelo e muitos outros alem dos piás do Enio o  Caio, Eninho e Otávio alem da minha comadre Mary. Das conversas, altamente produtiva e cultural com o Gudé (Professor Maciel) sobre política, livros, musica e claro, mulher e futebol.

Sinto saudades de tudo e de todos, dos amigos Toninho e Zé Aurélio do Ferro Velho 222, e da equipe deles. Saudades do Alaércio, da Alcione, do João e toda a turma do Posto Millenium, bons papos todas as noites, (até assaltados fomos!).
Sinto saudades, mas acredito que fiz uma boa opção e não me arrependo. Pois apesar do  pouco tempo aqui, já aprendi a gostar de Floripa  da sua gente, uma cidade que oferece muitas oportunidades além de muita beleza.

Já fiz novos amigos reencontrei um amigo que há muitos anos não o via, o Pedro Karpinski. Vou  trabalhando e assim vou descobrindo essa bela cidade.
Semana que passou foi altamente produtiva em termos de trabalho e novas amizades.  Prenuncio de que outras tantas boas semanas virão.

Assim espero que seja sempre, Amém! 

Abraços a todos meus amigos aqui citados e também àqueles que não citei.

2 comentários:

  1. O tempo é algo extraordinário...o de agora, temos de aproveitar para fazê-lo valer a pena..o que já passou, é bom recordá-lo, mas jamais será o mesmo...e o tempo que virá, ahh, esse sim, deve ser almejado,planejado e bem aproveitado, pois daqui a pouco, será desse tempo que sentiremos saudades!!E a vida é assim...simples assim..

    ResponderExcluir
  2. Sei bem como é tio Elinho. Fui um dos primeiros a deixar Campo Mourão. Vou completar 20 anos em Curitiba. Senti muita falta dos tios queridos e dos grandes amigos. A saudade é um sentimento incrível. Não tem como viver um só dia sem lembrar dessa terra onde passei parte da vida, onde cresci, onde fui absolutamente feliz.

    ResponderExcluir

Escreva aqui a sua opinião,ela é muito importante.